-

[Resenha] Romance com o Duque

Título: Romance com o Duque
Autora: Tessa Dare
Ano: 2016 
Páginas: 256
Editora: Gutenberg
Compre na: Amazon / Saraiva
⭐⭐⭐⭐⭐💗
A doce Isolde Ophelia Goodnight, filha de um escritor famoso, cresceu cercada por contos de fadas e histórias com finais felizes. Ela acreditava em destino, em sonhos e, principalmente, no amor verdadeiro. Amor como o de Cressida e Ulric, personagens principais do romance de seu pai.
Romântica, ela aguardava ansiosamente pelo clímax de sua vida, quando o seu herói apareceria para salvá-la das injustiças do mundo e ela descobriria que um beijo de amor verdadeiro é capaz de curar qualquer ferida.
Mas, à medida que foi crescendo e se tornando uma mulher adulta, Izzy percebeu que nenhum daqueles contos eram reais. Ela era um patinho feio que não se tornou um cisne, sapos não viram príncipes, e ninguém da nobreza veio resgatá-la quando ela ficou órfã de mãe e pai e viu todos os seus bens serem transferidos para outra pessoa.
Até que sua história tem uma reviravolta: Izzy descobre que herdou um castelo em ruínas, provavelmente abandonado, em uma cidade distante. O que ela não imaginava é que aquele castelo já vinha com um duque...

Isolde Goodnight sempre viveu cercada por histórias, sendo filha de um escritor conhecido e representada como uma personagem em uma das suas séries mais famosa, cresceu em meio a era medieval, com Calheiros e aventuras, porém nem todo encanto do mundo pode fazer com que ela fuja de sua atual realidade, quando seu pai morre deixando todos os seus bens para seu primo detestável e sua filha na miséria. Obrigada a sair de sua própria casa sem qualquer dinheiro ou ideia para onde ir, sua última esperança se resume a um testamento deixado por seu padrinho em seu nome. 

Sem olhar para trás ela parte em busca da herança que irá salvar sua vida, mas o que esperava ser somente alguma quantia de dinheiro se transforma em um castelo em ruínas com um aspecto sombrio e que apesar de parecer abandonado abriga um Duque grosseiro e mal-humorado que não gostou nem um pouco de uma garota aparecendo e andando por sua propriedade. Agora Izzy tem uma difícil missão pela frente para provar que é a verdadeira dona do castelo e que permanecera ali não importa quantas vezes ele a expulse.  

Ransom William - décimo-primeiro Duque de Rothbury - está isolado da sociedade desde que se machucará gravemente a 7 meses atrás, toda essa falta de notícias fez com que muitos achassem que ele havia morrido, mas a realidade é que Ransom não quer ter contato com ninguém, imagine sua surpresa quando se depara com uma mulher em sua residência alegando ser a nova dona do lugar que nem estava à venda, o que parece não entrar na cabeça da determinada moça de cabelos volumosos e espessos que por incrível que pareça não se abala diante da sua condição e está determinada a pôr de pernas pro ar toda vida dele. 

Numa tentativa de chegar a uma solução, ele oferece a ela um cargo de secretaria para que o ajude a organizar todo as papeladas que ele ignorou durante meses e enfim provar qual dois está errado, Izzy aceita sem ter outra alternativa e para a aflição do Duque já começa a modificar o castelo a sua maneira, com a desculpa de estar construindo seu lar. Sem perceber, ambos passam a se acostumar com as trocas de farpas e se veem envolvidos em uma forte atração que está trazendo assuntos do passado à tona. 



Eu terminei esse livro me perguntando o porquê eu nunca ter lido ele antes, é sério, sou tão do Contra que já havia lido o segundo livro dessa série "Diga sim ao marquês" e pulado "Romance com o Duque", o motivo é um mistério, mas finalmente esse mês eu corrigi isso e me deparei com um delicioso romance cheio de troca de insultos entre os personagens, criados abusados e pasmem um evento de cosplay.  

Começando com o casal que você torce muito para ficar junto pelo simples fato da escritora ter construído muito bem a história e a personalidades deles individualmente, então depois de umas conversas ali, uns segredos revelados aqui, você chega à conclusão que eles precisam ser felizes. E é muito bacana a forma que eles vão se conhecendo e passam a admirar a força um do outro, a ponto de ela ser uma influência muito forte para eles mesmos superarem os próprios medos. 

Uma das características que mais gostei da série ''Castles Ever After'' da Tessa Dare é que ela trabalha a ideia da mulher independente, então diferente das damas que estamos acostumadas, as protagonistas dessa serie não ficam de braços cruzados e estão decididas a fazer a própria felicidade, lembrando que só posso dizer isso porque já li o segundo volume que não tem conexão nenhuma com o primeiro, mas possui esse característica de mocinha determinada e pronta para pôr a mão na massa. 

E agora vamos a parte em que você ficou curioso: O evento de cosplay, eu me diverti muito quando vários personagens secundários surgiram no castelo representando nada mais que os livros do pai da Izzy, tinha cavalheiros, damas com vestimentas medievais e muitos outros (não que essa visita tenha agradado o Duque), mas se eu tivesse no livro suspeito que estaria junto com os Morângianos, como eles se denominam. #vainerd  

No geral, Tessa Dare nos proporciona um romance divertido e envolvente, com uma escrita fluida que te prende até o fim, recomendo muito para os fãs de Sarah MacLean e Eloisa James que também tem obras que se passam no campo e focam mais no casal, sem toda aquela pressão de bailes e regras da sociedade. A série Clastle Ever After é composta por 4 livros, mas até agora somente 3 deles foram publicados no Brasil pela Editora Gutenberg. 


Tessa Dare é o New York Times e USA Today best-seller de quatorze romances de romance históricos e cinco novelas. Seus livros ganharam inúmeros elogios, incluindo o prestigiado prêmio RITA® da Romance Writers of America (duas vezes) e o  RT Book Reviews  Seal of Excellence. A revista Booklist chamou-a de uma das "novas estrelas do romance histórico", e seus livros foram contratados para tradução em mais de uma dúzia de idiomas.
Misturando inteligência, sensualidade e emoção, Tessa escreve romances de romance Regency-set que se sentem ligados aos leitores modernos. Com sua série mais vendida "Spindle Cove" e "Castles Ever After", ela teve muita diversão criando heroínas que desafiam as convenções de seu tempo - engajando-se em atividades "não despreocupadas" que vão desde a paleontologia até a fabricação de cerveja e sonhando com o forte - Heróis sexy, queridos, que acham seus corações atraídos por eles.

Outros livros da série:











Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...



Layout: Natana Duarte | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©